Blog


Aumento de queixas - Como resolver as reclamações em condomínio


Você quer saber como resolver as reclamações em condomínio, mas não sabe por onde começar?

Se você está passando por esse problema, saiba que não é a única pessoa nessa situação. Segundo dados da Associação das Administradoras de Bens Imóveis e Condomínios (AABIC), desde o começo da pandemia, as reclamações entre vizinhos em condomínios residenciais em São Paulo tiveram alta de 300%.

A grande maioria das reclamações foram de barulho de obras, calçados que foram deixados do lado de fora dos apartamentos e falta de uso de máscaras nas dependências do condomínio.

Antes da pandemia de Covid-19, as reclamações mais frequentes em condomínios eram por causa do barulhos provocado, por exemplo, por crianças e cachorros.

A pesquisa também estima que o número poderia ser maior caso as áreas comuns - que estão fechadas devido a pandemia -, estivessem liberadas para uso durante esse período.

Outro dado importante apresentado pelo levantamento é que 98% dessas reclamações acabam sendo resolvidas com diálogo enquanto apenas 2% geram multas e advertências.

Mas, como resolver esse resolver as reclamações em condomínio? Continue a leitura para conferir algumas dicas que separamos!

Quais as reclamações mais frequentes em condomínios?
Antes de falarmos sobre como resolver as reclamações em condomínio, criamos uma lista com algumas das reclamações mais comuns. Assim, é possível se preparar para tomar atitudes, principalmente no momento atual.

Aqui está a lista:

  • Reclamações de música alta, equipamentos de ginástica ou reuniões sociais;
  • Barulho de manutenção;
  • Reclamações sobre o uso indevido de espaços e instalações compartilhadas;
  • Pedidos de informações ou declarações financeiras;
  • Pedidos de maior comunicação com os membros do conselho do condomínio;
  • Reclamações sobre taxas de condomínio;
  • Reclamações sobre animais de estimação.

Essas reclamações costumam acontecer em praticamente todos os condomínios e é importante que elas sejam ouvidas e solucionadas para que o bem-estar de todos seja preservado.

Dicas sobre como resolver as reclamações em condomínio
Assim que uma reclamação é feita, a administração do condomínio deverá registrá-la de alguma maneira. Manter os registros dessa forma garantirá que a reclamação será tratada e dá à gestão do condomínio uma data concreta para consultar se uma solicitação de acompanhamento for enviada.

Isso dá tranquilidade aos moradores e ajuda a equipe de gestão do condomínio a se manter organizada. Embora cada empresa de gestão de condomínio aja de acordo com sua visão de marca única e ética da empresa, temos algumas recomendações de melhores práticas:

Desenvolva padrões de processamento de reclamações
A gestão do condomínio pode fornecer aos inquilinos formulários de reclamação formais, que podem ser armazenados em uma plataforma de condomínio. Também é possível contar com um livro de registro de reclamações - o que pode gerar uma certa desorganização.

Portanto, se você ainda não utiliza uma ferramenta para fazer a gestão do condomínio, é muito importante avaliar as opções disponíveis para que possa desenvolver um bom padrão de processamento de reclamações.

Crie uma planilha para rastrear a resolução de conflitos ou reclamações
Organize as reclamações com base nos nomes dos residentes, categorias de reclamações e datas de relatórios. Isso o ajudará a rastrear os conflitos e resoluções de reclamações de forma mais eficaz.

Se um residente fizer o acompanhamento, fazer a consulta dos registros de forma detalhada será muito mais útil e aumentará sua confiança em suas habilidades de gerenciamento de condomínio.

E, mais uma vez, um software para condomínio pode te ajudar com isso, caso você não queira “se perder” entre diversas planilhas.

Incentive a transparência com os residentes e membros do conselho quando surgirem reclamações de propriedade
Mantenha os residentes e membros do conselho informados sobre todas as questões de manutenção e reparos de propriedades. Isso aumentará sua confiança nas habilidades de gerenciamento do seu condomínio, bem como o aumento da sua compreensão e aceitação das taxas de condomínio.

Converse de forma amigável com os condôminos
Quando se trata de brigas entre condôminos, o síndico não deve interferir na resolução ou na intermediação dos conflitos que possam envolver dois ou mais vizinhos, exceto nos casos onde o motivo da briga esteja afetando a rotina do condomínio.

Caso isso aconteça, o síndico deve conversar de forma amigável com os moradores, advertir, caso seja necessário e, em último caso, aplicar uma multa.

Últimas palavras

Agora que você conferiu nossas dicas sobre como resolver reclamações em condomínio, lembre-se que estamos passando por um momento que por si só já é muito estressante, já que existe o isolamento social e as incertezas de um futuro.

Portanto, tente tornar o processo de reclamações em condomínio o mais prático, simples e tranquilo o possível.

Se o seu condomínio já utiliza algum software de gestão, aproveite todos os seus recursos, eles poderão te ajudar com a solução de reclamações. Caso ainda não tenha um, realize pesquisas e escolha uma opção que realmente atenda às necessidades do seu condomínio, principalmente quando se trata de solução de reclamações!


Faça um teste online!

Veja todas as funcionalidades em ação.

Startup acelerada por:

B2Mamy   Sebrae   Founder Institute   WeWork Labs